Feminismo: que raios é, realmente, isso?

Este post pode ter uma grande quantidade de expressões de baixo calão (vulgo palavrões)!
Heey apple
Bia aqui.
Vim trazer mais um tema que tem sido bem discutido ultimamente, como sempre faço!
Esse tema tava na minha lista mental para escrever, mas não queria postar pois estava me amadurecendo pra achar as palavras certas e não deixar nada mal falado ou mal entendido. Feminismo é um tema bem polêmico tanto quando mamilos meu caro leitor, e todas (e todos) sabemos disso.
O que é? Que porcaria está sendo feita dentro? Como ser? Como combater? Essas informações são o motivo desse post, espero que gostem!
Deixando claro, novamente, que o post é de clara e totalmente minha opinião, respeito a sua se respeitar a minha ok? ok!


NÃAO meu caro leitor, feminismo não é uma bosta como todos dizem. Feminismo é uma dádiva do mundo, que vem sido distorcida por machistas e pelas próprias feministas (que não são bem feministas fazendo o que fazem).
"AAAI BIA o que é o feminismo?" bem lembrado curiosa leitora, vamos do começo:
Bem resumido, o feminismo é a luta das mulheres por direitos iguais. Simples e claro! Mais especificadamente, feministas são aquelas mulheres que lutam para ter direito sobre o seu corpo e fazer o que bem entender com ele (é ridículo termos que lutar por isso, é uma coisa óbvia demais), pedindo direitos trabalhistas (salários e adicionais iguais aos dos homens, direitos que eles também tem,...), direitos de votar, ter coisas próprias em seu nome (empresas, grandes ou pequenas, lojas, fábricas,...), e pelos direitos humanos como a luta pela proteção anti-violência sexual (física, moral ou psicológica), direitos anti-agressão (também física, moral ou psicológica), e afins.
Vocês entenderam?
Usando as palavras da Gaabie Fadel, quem sabe que seu corpo é de total domínio próprio, que deve fazer o que bem entender com ele, e tem direitos disso, é feminista;
Quem sabe que devemos ter direitos iguais aos dos homens, nem pior muito menos melhor,  é feminista.
Quem vai aos protestos e passeatas lutando pelo fim do abuso em transportes públicos, nas ruas ou mesmo dentro "de casa", é feminista;
Ai entra o "X" da questão, o grande estopim para os barracos de mal informados(as) na internet.
Existem certas "feministas" que falam "AAAH feminista não pode se depilar" "feminista não se maquia" "feminista não pode namorar" "Feminista não pode se arrumar" ISSO ESTÁ ABSURDAMENTE ERRADO CACETE!
Qual a moral do feminismo? Quem leu aqui a cima sabe! A MULHER TEM A PORRA DO DIREITO DE FAZER O QUE BEM ENTENDER DA PRÓPRIA VIDA. Não é deixando de me arrumar, de ter minha higiene corporal que eu vou ser mais ou menos mulher. A verdadeira feminista sabe que não é preciso seguir "fajutas ordens" pra ser feminista, ou ser mulher "de verdade". Isso me deixa puta da cara. E é ai que damos moral para os machistas de plantão entrarem e falaram merda das mulheres, que se confundem nas próprias normas.
"BIAAA feminista é só mulher?" Bem citado cara leitora curiosa, não, feminismo é um modo de ser, não apenas resumido a humanos do sexo feminino, mas homens que pensam como nós. Como assim existem mulheres completamente machistas que, eu acho, são essas que dizem que "Mulher tem que ser assim, mulher tem que ser assado, mulher isso, mulher não aquilo,...". Homens que sabem que temos direito de bater em quem nos assedia nos trens, que sabem dos nossos direitos legais como seres humanos, são feministas mas não deixam de ser homens! É o mesmo esquema do cara que ouve piada por se depilar, fazer sobrancelha, bronzeamento,... VELHO, se o cara deixa de fazer algo ou faz, por livre e espontânea vontade, ele não é menos homem. Pra mim, só deixa de ser homem o cara que desiste das coisas por medo dos outros, que deixa de fazer o que quer temendo o preconceito.
MANO, estamos no século XXI (21), já passou o tempo em que as famílias prendiam as filhas em casa para casarem, que tinha que casar virgem, usar determinadas roupas,... estamos em uma era livre. 
Quem quer andar de bunda de fora tem total direito. Quem quer sair de rosa, preto, azul ou o que for, tem direito. Quem quiser sair de casa sem maquiagem ou carregada tem direito. SOMOS LIVRES então pra que se prender?
Só que o pessoal julga demais isso. A liberdade de expressão é um direito legal nosso. Conhecem duas coisas, chamadas "livre arbítrio" e "democracia"? Livre arbítrio diz que somos livres pra fazer o que quisermos, quando quisermos e como quisermos, sofrendo as consequências dos seus atos. Mas isso não quer dizer que se eu sair hoje de saia curta, as consequências serão passadas de mão que eu terei que aguentar. 
Democracia é o nosso direito de votar, opinar no que queremos, e lutar pelos nossos direitos.
Eu apoio sim manifestos da "marcha das vadias" ou qualquer grupo, apoio mulheres saindo nuas (ou não) gritando que nosso corpo é total e propriamente nosso, de mais ninguém, que somos feitas para nos agradar e não para ser bonecas dos homens! É muito certo a mulher ver que a encochada no trem, a passada de mão no ônibus e a ameaça de estupro não são normais, isso é crime, isso dá cadeia (dependendo da gravidade do ato). 
Mulheres do meu país, leitoras amadas desse blog, lutem pelos seus direitos. Não aceitem que lhes digam como se vestir, o que usar. A gordinha pode sim usar uma saia curta, a magrinha pode usar uma calça colada, a alta pode sair de salto, a baixinha pode usar sapatilha, vocês tem direito de pintar cabelo, se depilar, cortar unha, e afins, se bem entenderem. E se não quiserem, tudo bem, é vocês que são donas dessa escolha.
Homens feministas, eu apoio vocês. Venham cá me dar um abraço! Amo esses caras que sabem que não somos objetos sexuais deles, que podemos sair como bem entendermos ignorando as "ordens" deles. Vocês estão absurdamente certos nessas ideias, por favor ensinem isso para seus filhos e netos, o mundo precisa mais de homens como vocês!
Falsas(os) feministas, eu repudio vocês. Ordenar que devemos fazer isso e aquilo para ser feministas não é certo, eu conheço isso como o velho e péssimo machismo, e machismo é coisa dos séculos passados. Mudem seus conceitos, abram seus olhos e vejam o que há de errado!
E, por ultimo, machistas de plantão, eu espero que vocês criem vergonha na cara e vejam que não somos bonecas entalhadas com seu nome, de seu próprio domínio. Vocês são livres, e nós também, somos seres humanos iguais, a cima de tudo. MUDEM!
Ah, e a ultima pergunta que fiz no começo: como combater o feminismo? Não tem como! Volte aos séculos passados e viva lá, feliz. Feministas estão dominando o mundo, acordamos e vimos que temos direitos e não somos capachos dos homens. Não gosta das feministas? É seu direito, como também é nosso direito detestar machistas!
A minha opinião final sobre tudo isso é que eu não me acho tão feminista. Só sou a favor demais pelos direitos que nós, mulheres, já deveríamos ter desde sempre. Lutar por salario igual, por respeito, chega a ser ridículo de tão óbvio. Somos humanos como todos os homens, sentimos dor, amor, ódio, frio, fome e sede igual! Se pudesse, iria a manifestações da marcha das vadias, como iria nas que lutam pela saúde, educação, por transportes melhores,... somos o povo, e o povo tem direito de lutar pelo que quer, gritar aos quatro ventos o que achamos e o que deixamos de achar.
Bem, era isso. Usei mais como desabafo do que como explicação. Tenho uma leve impressão que ficou meio sem nexo, mas fui escrevendo o que vinha na mente, tudo o que me subia o sangue eu dizia.
Espero que tenham gostado, e entendido que raios é isso!
Deixo a baixo meus vídeos favoritos sobre isso, para vocês entenderem melhor tudo o que eu disse!
2Bjos 
Bia

Acabei de achar esse vídeo no Facebook e amei ele, vi geral metendo pau nela sendo que ela só falou os fatos!

Aaaah Ana de Césaro e suas críticas maravilhosas *-*

 Não sou fã da Acid Girl mas esse vídeo resume tudo!

1 comentários:

Postar um comentário